sábado, 29 de maio de 2010

" padrão Stº Agostinho, cabo Stª Maria em Angola "

 

Padrão Stº. Agostinho na Sociedade Geografia, Lisboa. Foi assente pela guarnição de Diogo Caão no dia 28 Agosto de 1483, no "cabo do Lobo", actual cabo de Stª Maria em Angola, lat. 13º 25' Sul e long. 12º32' Este

Cabo Stª. Maria - foto google earth
Constituído por uma peça do calcário vulgar das pedreiras dos arredores de Lisboa, com a forma de uma coluna sobrepujada de um cubo, sendo a sua altura total 2,16m. Uma das faces do cubo ostenta o escudo português do tempo de D. João II, mas do tipo anterior à reforma ordenada por este monarca em Março de 1485. Nas três outras faces há inscrições. Foi Luciano Cordeiro que descobriu tratar-se de um texto todo em português, abrangendo, seguidamente as três faces.



Este texto, então lido pela primeira vez, é o seguinte:

ERA DA CREAÇÃ DO MUDO DE SEIS MIL BJLXXXJ ANOS DO NACIMENTO DE NOSSO SENHOR JESHU DE MIL CCCLXXXJJ ANOS O MUJ ALTO MUJ EICELETE PODEROSO PRINCIPE ELREY DÕ JOAM SEGUNDO DE PORTUGAL MÃDOU DESCOBRIR ESTA TERRA E POER ESTES PADRÕES POR DIOGO CÃO ESCUDEIRO DE SUA CASA”.

facmile  das inscrições do padrão Stº Agostinho
Ou correntemente: 

Na era da criação do mundo de 6681 anos, do nascimento de Nosso Senhor Jesus de 1482 anos, o mui alto mui excelente e poderoso príncipe, el-rei D. João II de Portugal, mandou descobrir esta terra e pôr estes padrões por Diogo Cão, escudeiro de sua casa”.


 baía e cabo de Stª Maria

ilhéu de Pina ou dos pássaros na baía de Stª Maria

A réplica do Padrão de Stº Agostinho, no cabo de Stª Maria

O governador geral Guilherme Augusto de Brito Capelo, em 1891 ordenou que o Padrão de Stº Agostinho fosse substituído por uma réplica e recolhido ao Museu Colonial, criado vinte anos antes e mandado entregar, em 1892, à Sociedade de Geografia, pelo ministro Francisco Joaquim Ferreira do Amaral, em cujo átrio se encontrou metido, numa forte tripeça de ferro bronzeado, que o mantém em posição vertical.
O Padrão de Stº Agostinho foi assim substituído em 1892 por uma réplica que ficou na posição frontal ao farol do Cabo de Stª Maria. No momento não é certo  da réplica se encontrar  no  local.
Deste modo, apresenta-se uma foto obtida nos anos 50, séc. XX da réplica do Padrão.
Os escudetes estão virados para baixo, o que não  corresponde ao original do Padrão.


réplica do Padrão de Stº Agostinho, no cabo de Stª Maria.em Angola ,assente no ano de 1891.

notar que os escudetes laterais estão virados  para baixo, sem a flor de lis

Sem comentários:

Enviar um comentário